Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos das Estrelas

Neste blog são apresentados conteúdos literários. Para qualquer assunto podem contactar o autor via ruiprcar@gmail.com. Aceitam-se contributos de outros autores, de 4 a 24 de cada mês, relativos ao tema Natureza ou Universo :-)

Contos das Estrelas

Neste blog são apresentados conteúdos literários. Para qualquer assunto podem contactar o autor via ruiprcar@gmail.com. Aceitam-se contributos de outros autores, de 4 a 24 de cada mês, relativos ao tema Natureza ou Universo :-)

Aos amigos

por talesforlove, em 24.07.22

Hoje aqui ficam dois poemas sobre a amizade e os amigos.

 

Amizade, por Isabel Pereira Rosa (Portugal)

 
Eu queria tantos amigos como outrora
Quando a minha mãe dizia: conhecidos!
Ainda assim a casa enchia-se de risos
E eu na minha juvenil sabedoria
Acreditava que seria sempre assim p’la vida fora.
Alguns ficaram p´lo caminho:
Morte morrida, morte em vida, afastamento,
Mas outros ainda vivem, longe ou perto,
Dentro ou fora de mim,
À distância de um clique ou de um pensamento.
Por vezes, há alguém que nos reúne
E brindamos ao futuro, à amizade,
A essa força aglutinadora
Que nasce nos momentos de saudade.
Saudade de tudo aquilo que perdemos
E daquilo por que passámos sem olhar
Saudade de tudo em que acreditámos
E não conseguimos mais acreditar.
Mas é uma palavra sempre viva:
A amizade não morre, só madorna
E tal como o filho pródigo volta a casa
Num dia de saudade, o amigo torna.
 
 

Oração do Amigo, por Marcelo de Oliveira Souza, IwA (Brasil)

 

Senhor Deus pai, 

Por nossos amigos, olhai 

Agradeço a fortuna que dais 

Amigo presente do Pai. 

 

Onde quer que esteja 

Amigo,  encontrai, 

A paz e tranquilidade, festejai 

Presente de Deus,  aceitai. 

 

Agora e sempre, estás 

No nosso coração, orai 

Que na  nossa energia, vibrai 

Amigo de sempre rogai. 

 

Nesse dia como em todos 

As preces milagrosas, fortificai 

Irmão da nossa jornada 

Em nosso coração, completai. 

 

A vida é uma roda, girai! 

Um dia estamos alegres, celebrai 

N’outro dia, tristes, vigiai 

Mas sempre teremos amigos em Cristo 

Amigos como ti... Insisto... 

 

Que nessa vibração 

Seu coração, vibrai 

Junto ao meu, celebrai 

Agora e sempre! Amém! 

 

 

Homenagem ao Dia Internacional do Amigo 

Do blog: http:/marceloescritor2.blogspot.com 

 
 
A próxima edição do Concurso Literário terá como tema "as árvores, plantas e a água".
Fica o convite a subscrever este blog.
 
 

Até breve.

 

Palcos de Flores e Marco Paulo

por talesforlove, em 16.05.21

Hoje, fica uma homenagem dupla. A primeira a Maria João Abreu, que partiu subitamente… como se o céu deixasse de contar com a companhia do sol, sem qualquer aviso prévio. Nos tempos que correm, esta é uma situação que parece desafiar a nossa capacidade para ir mais além. Mas iremos, claro que sim.

 

A Suave Flor dos Palcos

 

Levantei-me pela manhã e,

Deslumbrante o sol vi, brilhante,

Mas passado um par de horas,

Liguei a TV e vi que partiste!

 

E foi então que a venda dos meus olhos

Caiu sem que o esperasse,

Pois as lágrimas soltavam-se aos molhos.

Partiras ainda que Lisboa te amasse!

 

Demos-te por garantida…

E deixei os meus olhos na calçada.

Branca de Saudade. Fria.

Fria… Plena de Frio… De pedra branca.

 

Que saudade desse teu campo de Teatro,

Feito de flores de todas as cores…

E fonte fresca de águas humanas,

Refrescantes desta vida de mil sabores.

 

Nossa Maria João Abreu…

O que foi que aconteceu?

 

por Rui M., 14 a 16-05-2021

 

E o próximo poema surge como homenagem a Marco Paulo.

 

Intemporal

 

Tocaste o coração de crianças e mulheres...

Senhores e idosas...

Com sentido e comovido cantar,

Marco, vieste a firmar o teu lugar na história

 

Guerreiro perante a contrariedade

De sorriso estampado no rosto

A sua aura emana a positividade

Como um raio de Sol nas intempéries da vida

que veio para mudar a vida dos portugueses...

 

No seu estilo único, música e melodia

Com sentido de humor e o amor nas palavras

 

Força de leão, persistência única

és tu, Marco!

 

Para sempre símbolo de nostalgia

e força 

aos que te seguem e acompanham.

 

por Sílvia Silva, 02-Maio-2021

 

 

Em Junho divulgam-se os textos dos trabalhos vencedores!

Novas imagens de inspiração e novos contos plenos de imaginação.

 

Abraço.

Até breve.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D