Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Contos das Estrelas

Neste blog são apresentados conteúdos literários. Para qualquer assunto podem contactar o autor via ruiprcar@gmail.com Boas leituras!

Contos das Estrelas

Neste blog são apresentados conteúdos literários. Para qualquer assunto podem contactar o autor via ruiprcar@gmail.com Boas leituras!

Publicidade útil

Concurso Literário Internacional “Natureza 2016”

por talesforlove, em 04.07.16

É com grande alegria que vos informamos que tem início o Concurso Literário Internacional “Natureza 2016” o qual tem lugar após o sucesso do Concurso “Natureza 2015”. Volvido um ano, infelizmente, a preocupação com ambiente continua a ser algo plenamente justificado e, felizmente, algo também que é um tema apetecível para a obra literária.

 

Transcrevemos de seguida o texto do ano passado, após o qual informamos sobre as condições de participação em 2016, sendo que este ano, o processo será mais gradual, no que diz respeito aos prémios e sobretudo aos parceiros envolvidos! Acrescenta-se, portanto, um nível extra de dinamismo!

 

Lembra-mos ainda que, a par do concurso em Português, decorre a sua versão em Inglês, a publicitar em: http://talesforlove.blogs.sapo.pt

 

 

A floresta respira e, como resultado, o planeta terra também respira, dando-nos o oxigénio de que necessitamos para viver. Durante o Inverno, no hemisfério norte, onde está a maioria da terra não submersa do Planeta, muitas árvores perdem as folhas, e o dióxido de carbono aumenta na atmosfera, de que resulta um pequeno aumento da temperatura global. Na Primavera e durante o Verão, as árvores criam folhas, que permitem a captura de dióxido de carbono, fazendo com que o clima se torne ligeiramente mais fresco.

Para vos dizer a verdade, considero que as árvores são preciosas onde quer que se encontrem, quer estejam sozinhas numa rua cinzenta quer estejam num pequeno grupo num bonito jardim artificial. Ajudar uma árvore a crescer é como ajudar a crescer uma amizade, é um acto de poesia, e quem sabe que contos podem inspirar os raios solares que atravessam os seus ramos.

Nenhum animal do mundo quer saber de poesia escrita porque lhe basta a poesia visual das flores ou dos recifes coloridos. Os animais simplesmente desfrutam a beleza das dádivas da natureza pura!

Mas você sabe que a subida de temperatura média do mar em dois graus Celcius pode causar sérios danos aos recifes? E sabe que o grande segredo dos cães é a sua amizade e abordagem simpática para connosco? Certamente, sente que toda a criatura viva é Natureza; nós mesmos somos parte da Natureza, e por isso também merecemos um poema… Proteger as flores é proteger-nos a nós.

A vida é especial, e é por isso que fazemos o convite para participar com o seu melhor poema ou conto sobre a Natureza.

Desejamos seleccionar, em 2016, 20 poemas e 4 contos para uma antologia que será publicada como e-book em PDF (e eventualmente para Windows 8 e 10 e Android).

 

O tema em 2016:

Tal como em 2015, a Natureza é o tema central, todavia, quem desejar pode enviar poemas com o objetivo de os ver um dia como a letra de uma canção!

Adicionalmente, a Natureza, a par de valores como a Liberdade, a Paz, o Respeito e o Amor, surge como algo unificador.

 

Nesta edição, procuramos ainda HOMENAGEAR também a comunidade emigrante Portuguesa, através da homenagem a Mikkel Solnado!

Get Up! Levantem-se!

https://www.youtube.com/watch?v=gGe3iXyAb_U

 

Sem, é claro, esquecer os que ficam em Portugal!

 

Detalhes de Regulamento 2016:

  1. A participação neste concurso é gratuita.
  2. Qualquer pessoa de qualquer país pode participar desde que submeta trabalho redigido em português.
  3. Cada participante pode submeter dois poemas, sem limite de palavras, e um conto, com um máximo de 3000 palavras.
  4. Os trabalhos devem ser enviados por e-mail para Rui M. (ruiprcar@gmail.com) juntamente com nome, país, contacto electrónico. O assunto do e-mail deve ser “Concurso Literário Internacional ‘Natureza – 2016’”.
  5. Os autores premiados têm direito a certificado em formato digital.
  1. Todos os poemas seleccionados serão publicados em antologia, a qual estará disponível em formato PDF (possibilidade de vir a existir em Windows), com um custo de 2,5 € (pagamento de donativo por PayPal). Os autores premiados têm direito a uma versão gratuita. Do valor cobrado nas vendas, serão utilizados 50 % para pagar custos do concurso, 25 % para plantar árvores e 25 % para o prémio monetário do próximo concurso literário.
  1. Data limite de participação: 30 de Novembro de 2016.
  2. Os resultados serão anunciados em finais de Dezembro em  http://contosdasestrelas.blogs.sapo.pt/.

 

 

Organizador do concurso:

Rui M.

 

Responsável do Júri:

Sra. Anabela Barros Correia

FLUL - CLEPUL - Lisboa

http://www.clepul.eu/Ptg/ViewPerson/30

 

Principal patrocinador:

Rui M. Publishing

 

==================================

Parceiros iniciais 2016 (lista não definitiva):

 

  1. a) Book Park and Arts & Literature (España/Spain/Espanha)
    http://www.thebookpark.com

 

  1. b) Rádio Clube de Arganil

www.rcarganil.pt

 

  1. c) Jornal Bom Dia (Luxemburgo)

http://bomdia.eu/concurso-literario-dedicado-as-comunidades-e-a-mikkel-solnado/

 

Este ano a App LinbonTourism em associação (sem custo; basta seguir botão lado esquerdo):

https://www.microsoft.com/store/apps/9nblggh3335s

 

Para nos seguir:

http://contosdasestrelas.blogs.sapo.pt/data/rss

 

 

Melhores cumprimentos,

Rui M.

 

Concurso Literário Internacional "Natureza/Nature 2016"

por talesforlove, em 27.06.16

Temos o prazer de anúnciar que muito em breve terá início o Concurso Literário Internacional "Natureza 2016"!

 

Como é hábito o tema central será a Natureza, todavia, este ano, também a liberdade e outros princípios serão associados ao tema.

 

A participação será gratuita!

Poesia e contos serão bem-vindos!

 

Até breve!

MINHA ILHA por Shmavon Azatyan - Arménia

por talesforlove, em 04.04.16

MINHA ILHA

 

Tu és a minha ilha celestial

para a qual eu nado

para me aportar

longe da maledicência de todo o mundo.

 

O mar é frio,

o dia é sombrio,

eu estou dormente –

os meus sentimentos tornam-se frígidos.

Todavia tu

tens o poder no meu coração.

 

Eu esforço-me até ti:

o dia de outono encurta

além das águas altas –

a vida esvanece-se,

e o salto do

brilho da venda dos olhos

desperta a minha antecipação.

 

E então a predisposição

que eu divinizo

nos teus gestos

perde a sua superioridade.

 

Quando chega o tempo

em que nós finalmente podemos falar

a ilha já desapareceu.

 

Entre tu e eu

o mar espraia-se sobrecarregado com céus sombrios;

apenas a topografia anónima

que nós ambos nos preocupámos em observar

é o que nos pode levar

para junto um do outro.

 

Nota: poema vencedor do concurso "Nature 2015", original em Inglês "MY ISLAND"

 

 

Poema de Carnaval 2016

por talesforlove, em 06.03.16

Parte I – Natureza revolta

 

É o reverso do estiolar de Verão,

o eterno primeiro momento Primaveril,

do despontar da primeira flor, primeira cor,

do sorriso imaculado da criança crente e mascarada.

 

Sendo a vitória da emoção sobre a razão,

Da furiosa liberdade da floresta encantada,

É fluido de música colorida no qual emergimos,

Na rua, na discoteca, na fita de papel e no que fingimos.

 

Parte II – Se tudo é magia

 

Quando envolta em música e magia emergiste,

Não sei o que sentiste, nem porque sentiste,

Só sei que princesa não eras, nem visão,

E que apenas mentira Medieval também não.

 

A tua mão, fria, dilui-se na máscara de Carnaval,

E os teus olhos, quentes, em cereais de chocolate imaginário.

Talvez fossem, afinal, a mágica tonalidade da música,

Que a electricidade dos nossos corpos ampliava, em súplica.

 

Para a capa da Antologia!

por talesforlove, em 15.12.15

capa.jpg

 

Resultados do Concurso Literário - Categoria POEMA

por talesforlove, em 08.11.15

Boa noite!

É com grande satisfação que divulgamos os POEMAS escolhidos para a nossa Antologia.

 

Merecem especial menção:

Flor no Chão - Rafael Alvarenga - Brasil

Uma lição de amor - Maria Apparecida S. Coquemala - Brasil

Execução sumária - Edweine Loureiro - Japão

Natureza morta - Claudia Damasio Silva Miguel - Brasil

 

Os outros poemas, de qualidade, que foram escolhidos:

Natureza Artificial - Weslley Moreira de Almeida - Brasil

Batismo - Rodrigo de Menezes Gomes - Brasil

Flor da laranjeira - Neyd Maria Makiolka Montingelli - Brasil

Olhos Limpos - Eduardo Chaves Laurent - Brasil

Chuva - Rafaela da Cruz Paula - Brasil

Árvore Humana - Leonires Barbosa Gomes - Brasil

O homem e a natureza - Maria Angela Piai - Brasil

Jardim da vida - José Airton Mellega - Brasil

Onça - Karina Pereira Issamoto - Brasil

Rosa - Douglas Jefferson - Brasil

Lumiar - Susana Savedra de Barros Antônio - Brasil

Paranavaí, a cidade da esperança - Felipe Costa Sena da Silva - Brasil

Floresta encantada - Cristiane Vieira de Farias - Brasil

O Criador – Maria - Brasil

Rosa de Lamúria - Dominic Martin - Brasil

Ode à natureza - Denivaldo Piaia – Brasil

Origem XXXIII - Leonardo Barbosa – Brasil

O ciclo da vida - Maria de Fátima Esteves Martins - Portugal

Reciclagem - Franklin Magalhães - Brasil

Mar - Humbelina Grilo Gurgel de Mattos - Brasil

Semeador - Laerte Silvio Tavares - Brasil

Mar triste - Thila Taylor Ferreira de Carvalho - Brasil

Chove - Sérgio Almeida - Brasil

Poemas para natureza - Sara Timóteo - Portugal

Acróstico – Natureza morta ou viva? - Alberto José de Araújo - Brasil

Água - Sidnéya Day Ramos - Brasil

Ser… - Juliana Andrade - Brasil

 

Parabéns a todos!

Em breve, será apresentada uma breve exposição sobre as motivações que nos levaram a escolher estes poemas e não outros, pese embora o interesse de TODOS os trabalhos submetidos.

 

Os melhores cumprimentos para todos vós.

Muito obrigado e até breve.

O Rádio, o Cinema, a Natureza, o Sr. Manoel de Oliveira, e os Concursos Literários

por talesforlove, em 10.10.15

Finalmente, um programa de rádio que nos mostra realidades muito interessantes e relacionadas com os dois concursos literários que já foram organizados: o primeiro, em Homenagem ao Sr. Manoel de Oliveira, o nosso cineasta, e o segundo, em Homenagem à Natureza Mãe.

 

http://cdn-ondemand.rtp.pt/nas2.share/wavrss/at1/1504/786970_179424-1504161848.mp3

 

Um abraço e obrigado pela atenção.

Nova imagem para inspiração

por talesforlove, em 28.08.15

Abelhas...

mybees1.jpg

 Nova Aplicação/Novo Aplicativo sobre Lisboa

URL para Windows 10 https://www.microsoft.com/store/apps/9nblggh3335s
URL para Windows 8.1 e anteriores http://apps.microsoft.com/windows/app/81eefb44-6b2c-468a-9c8e-ab419929fc7a
URL para Windows Phone 8.1 e anteriores http://windowsphone.com/s?appid=bde25bc8-cc91-4949-b9bd-5c15e549fa30

 

Divirtam-se! E divulguem, por favor!

A App Antologia em Homenagem ao Sr Manoel de Oliveira E novas imagens inspiradoras

por talesforlove, em 01.07.15

Bom dia :)

Como exemplo de uma antologia, tal como a que se pretende quando se concluir o presente concurso, apresento a App ou Aplicativo, seguinte:

http://www.windowsphone.com/s?appid=820cd714-a4ec-498e-8606-957d14c2adfe

 

É gratuíto! Sugestões de melhoria para a próxima antologia são bem vindas!

Para isso devem enviar a vossa opinião, sff, para ruiprcar@gmail.com com o assunto "sugestão a concurso natureza 2015"

 

Obrigado

===================

Novas Imagens Inspiradoras - A 26 de Julho de 2015

 

ameixasamarelas1.png

ameixasvermelhas1.png

 

guincho1.png

 

 

 

Concurso Literário Internacional - “Poemas e contos sobre a natureza — 2015”

por talesforlove, em 25.06.15

A floresta respira e, como resultado, o planeta terra também respira, dando-nos o oxigénio de que necessitamos para viver. Durante o Inverno, no hemisfério norte, onde está a maioria da terra não submersa do Planeta, muitas árvores perdem as folhas, e o dióxido de carbono aumenta na atmosfera, de que resulta um pequeno aumento da temperatura global. Na Primavera e durante o Verão, as árvores criam folhas, que permitem a captura de dióxido de carbono, fazendo com que o clima se torne ligeiramente mais fresco.

Para vos dizer a verdade, considero que as árvores são preciosas onde quer que se encontrem, quer estejam sozinhas numa rua cinzenta quer estejam num pequeno grupo num bonito jardim artificial. Ajudar uma árvore a crescer é como ajudar a crescer uma amizade, é um acto de poesia, e quem sabe que contos podem inspirar os raios solares que atravessam os seus ramos.

Nenhum animal do mundo quer saber de poesia escrita porque lhe basta a poesia visual das flores ou dos recifes coloridos. Os animais simplesmente desfrutam a beleza das dádivas da natureza pura!

Mas você sabe que a subida de temperatura média do mar em dois graus Celcius pode causar sérios danos aos recifes? E sabe que o grande segredo dos cães é a sua amizade e abordagem simpática para connosco? Certamente, sente que toda a criatura viva é Natureza; nós mesmos somos parte da Natureza, e por isso também merecemos um poema… Proteger as flores é proteger-nos a nós.

A vida é especial, e é por isso que fazemos o convite para participar com o seu melhor poema ou conto sobre a Natureza.

Desejamos seleccionar 36 poemas e 4 contos para uma antologia que será publicada como e-book em PDF (e eventualmente para Windows 8).

Regulamento:

  1. A participação neste concurso é gratuita.
  2. Qualquer pessoa de qualquer país pode participar desde que submeta trabalho redigido em português.
  3. Requer-se o preenchimento e envio do questionário (anónimo) disponível em: https://docs.google.com/forms/d/1rmFKGFHAIqWcgXEb3JK6J6HXZXxQmES8kWZnaf0P1vA/viewform.
  4. Cada participante pode submeter dois poemas, sem limite de palavras, e um conto, com um máximo de 3000 palavras.
  5. Os trabalhos devem ser enviados por e-mail para Rui M. (ruiprcar@gmail.com) juntamente com nome, país, contacto electrónico. O assunto do e-mail deve ser Concurso Literário Internacional Poemas e Contos para Natureza 2015’”.
  6. Os autores premiados têm direito a certificado em formato digital.
  7. Os cinco primeiros classificados na categoria poemas têm direito a uma gravação áudio do seu poema.

 

  1. Todos os poemas seleccionados serão publicados em antologia, a qual estará disponível em formato PDF (possibilidade de vir a existir em Windows), com um custo de 2,5 € (pagamento por PayPal). Os autores premiados têm direito a uma versão gratuita. Do valor cobrado nas vendas, serão utilizados 50 % para pagar custos do concurso, 25 % para plantar árvores e 25 % para o prémio monetário do próximo concurso literário.
  2. Data limite de participação: 30 de Setembro de 2015.
  3. Os resultados serão anunciados em finais de Outubro em  http://contosdasestrelas.blogs.sapo.pt/.

 

 

Organizador do concurso:

Rui M.

 

Responsável do Júri:

Ricardo Nobre, Doutor em Estudos Portugueses pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa

 

Principal patrocinador:

Rui M. Publishing

 

Parceiros:

 

a) Book Park and Arts & Literature (España/Spain/Espanha)

http://www.thebookpark.com

 

b) Blog Destante (Portugal)

http://destante.blogspot.pt/

 

c) Encruzilhadas Literárias (Portugal)

http://encruzilhadasliterarias.blogspot.pt

 

d) Jornal Bom Dia (Luxemburgo)

http://bomdia.eu/participe-em-concurso-literario-internacional/

 

e) Biblioteca de Arganil - Miguel Torga

http://www.bibliotecas.cm-arganil.pt/

 

f) Comissão de Festas de Santa Catarina 2015;

https://www.facebook.com/santacatarina2014

 

Melhores cumprimentos,

Rui M.

 

Fotos inspiradoras:

 

flores.jpg

 

florespequenas.png

 

 

meta

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D